top of page
78637482_2733917773390617_414924803212836864_n.jpg

Miguel Soares

Miguel Soares nasceu em 2001, em Portugal e é um cantor, ator, flautista e bailarino de ballet e dança contemporânea. Recentemente, concluiu 2 cursos superiores – Flauta e Canto – ambos na Escola Superior de Música e Artes do Espetáculo, no Porto, tendo terminado o último com um recital de 20 valores.

Como solista, já participou em várias obras, incluindo o “Requiem”, de Fauré (2018), a Cantata bwv 186, de J.S. Bach (2022) , “Te Deum”, de Charpentier (2023), entre outras. O seu trabalho em ópera inclui “Os Noivos” (Vigário) (2022), “Tosca” (coro) (2022) e Ópera Real (Salvador / Mariano Neto / Tio Mário) (2023), todas realizadas no Coliseu do Porto.

Tanto enquanto cantor como flautista, já trabalhou com várias orquestras e maestros, incluindo Ernst Schelle, Julian Lombana, Jan Wierzba, Javier Viceiro, Peter Askim, entre outros.

Como bailarino, já participou em diversos espetáculos e festivais, dos quais se destaca o festival de dança contemporânea site-specific “Lethes em Bruto” (2021), no qual foi selecionado para fazer parte de um elenco de apenas 12 bailarinos.

Já participou em masterclasses de canto e de lieder com Sylvia Monteanu e Alexander Schmaltz, bem como num masterclass de acting through song com a estrela do West End Madalena Alberto.

Em 2024 irá trabalhar num novo musical português com base no Diário de Anne Frank, da produtora, Plateia d'Emoções, no qual irá interpretar o papel de Peter van Daan. Também em 2024, irá interpretar o papel de Guglielmo na ópera “Cosi Fan Tutte”, de Mozart.

bottom of page